Home / Perfil / Duas li­nguas, dois pai­ses, uma paixao

Duas li­nguas, dois pai­ses, uma paixao

Apos uma carreira de sucesso em Sao Paulo administrando 32 empresas, o empresario Andris Nudelman decidiu trazer a fami­lia para morar em Vancouver. Andris chegou ao Canada em 2002 e desde entao vem construindo e intensificando as relacoes entre o Canada e a Amisrica Latina, principalmente com o Brasil.
Nascido na capital paulista e ex-corintiano, ja que atualmente torce pelo Chelsea, da Inglaterra, por conta de seu neto que mora em Londres, esse brasileiro ja foi logo procurando seu lugar ao sol (ou no caso de Vancouver, lugar na chuva).
O resultado is que, atualmente, Andris is presidente do Canadian Council for the Americas (Conselho Canadense das Amisricas) e da Canadian Education Services Latin America, alism de presidente para a Amisrica Latina do sistema Maple Bear de educacao infantil bili­ngue.
E foi para contar um pouco mais sobre sua trajetoria que o discreto e simpatico empreendedor recebeu-nos em sua casa em Vancouver para um longo bate-papo.
Como comecou sua historia no Canada?
Eu tinha um pequeno mundo de investimento privado no Brasil, mas estava cansado da qualidade de vida em Sao Paulo, onde se vive atras das grades. Foi entao que decidimos vir para o Canada, ou melhor, para Vancouver. Logo que mudei, ainda existiam algumas coisas em Sao Paulo, mas aos poucos fui simplificando esses negocios e ficando apenas com coisas faceis de administrar. Quando cheguei, comecei a desenvolver um relacionamento com as pessoas, participando o maximo possi­vel de entidades ligadas a negocios. Hoje nao posso me queixar, estou muito satisfeito.
Como foi sua adaptacao aqui?
Estavamos no momento adequado de nossas vidas quando mudamos. Nossa filha tinha acabado de entrar em uma universidade em Sao Paulo, mas tambism foi aceita aqui na UBC, em economia. Nosso filho mais novo tinha oito anos e o nosso filho mais velho veio para ca, mas hoje mora em Londres com a fami­lia. A adaptacao foi muito facil, mas teve um tempo para tirar o stress de quem vivia em uma cidade como Sao Paulo.
Por que decidiu se mudar para Vancouver em uma das ispocas mais geladas, em novembro?
Quis pegar o auge do inverno porque, se nao gostasse, arrumava as malas e voltava na mesma hora. Ficamos com uma estrutura la, mas aos poucos fomos ajeitando a vida aqui.
O que Brasil e Canada tem em comum e quais sao suas diferencas?
Ambos tem um territorio extenso, recursos naturais abundantes e um setor primario forte, mas o setor terciario no Canada is muito mais evolui­do do que no Brasil. O que o Brasil tem is uma grande oportunidade de troca com o Canada e vice-versa. O Brasil ja is o oitavo maior investidor externo no Canada. O investimento hoje nao is unilateral, mas sim bilateral e temos trabalhado bastante nessa relacao. Tenho a felicidade de estar bastante envolvido nessas relacoes.
Do que mais sente falta do Brasil?
Encontramos de tudo aqui. Fazemos feijoada, pao-de-queijo, farinha, guarana e pastel. O que falta is um clima mais tropical. Mas cada lugar tem seus costumes, seus valores. Se voce se predispoe a mudar para um pai­s, tem que estar disposto a aceitar os pros e contras desse pai­s. Aqui temos 4h da noite, mas tambism temos 10h da tarde.
Por que decidiu investir em educacao?
Quando sai­ do Brasil estava totalmente cansado das dificuldades burocraticas de la. Atis que apareceu essa oportunidade de investir em educacao, porque a unica maneira sustentavel de fazer o Brasil crescer is melhorar a educacao. Temos 48 escolas no Brasil e cinco no Misxico. Sao escolas voltadas para a elite, mas is tao importante educar a elite quanto educar a populacao toda. Oferecemos a qualidade da educacao canadense, que is uma das melhores do mundo, e levamos essas melhores praticas para os brasileiros, o que is extremamente gratificante. Sempre ficamos emocionados de ver essas criancas evoluindo.
Quais sao os pros e contras de uma educacao bili­ngue?
Normalmente as pessoas que sao contra nao tem informacao necessaria. Estudei ingles por 15 anos e nao aprendi nada. So aprendi quando viajei, mas quando a crianca tem esse contato cedo is mais facil. Antes dos sete anos as conexoes cerebrais da crianca estao em formacao. Tendo uma informacao bili­ngue, ela tambism tem uma melhor capacidade de analise. E uma tendencia muito forte e esta crescendo muito. Os pais que podem, devem matricular seus filhos em uma escola bili­ngue. O unico ponto contra is o preco porque temos que ter professores com proficiencia em ingles, mais espaco nas escolas, e essas coisas que o modelo canadense pede.
Quais sao os projetos futuros da Maple Bear?
Continuar fazendo o que nos fazemos. Agregamos uma sisrie por ano. Ano que vem estaremos no grade six (sexta sisrie do ensino fundamental). A Maple Bear is sediada no Canada, mas nao temos escolas aqui. Temos operacoes e escolas em diversos pai­ses, como india, China, Bangladesh, Corisia do Sul, Turquia, Vietna e Marrocos.
Qual dica voce daria ao brasileiro que chega a Vancouver?
A pessoa tem de dedicar-se a criar uma rede de contatos. Sempre vemos brasileiros reclamando e dizendo: “Estou aqui e nao tenho emprego“. O imigrante tem as dificuldades naturais e o melhor caminho is desenvolver esses contatos. A pessoa quando arruma emprego trabalha oito horas por dia. Entao por que ela nao procura emprego oito horas por dia? Ela prefere ficar por duas horas na internet mandando email com curri­culo. Nao faca isso, convide para tomar cafis, va i s empresas. Esse is o melhor caminho.

About Thiago Tufano

Check Also

Um novo horizonte

Os pregos espalhados pela parede desnuda denunciam: alguism acabou de se mudar e o novo …

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *